quinta-feira, 26 de maio de 2016

"GOTAS DE OUTONO"





Gotas de orvalho
Pingos de outono 
Folhas secas soltas pelo ar
Como em um desfile a flutuar

São as folhas de outono
Douradas ao vento 
Despidas a soltas relento
Outono dourado realengo

Ao cair das folhas mortas
Gotas de orvalho
Suas folhas secas 
Outono suas folhas vem buscar

Folhas de arvores despidas
Outono indefinida estação
Mostra-se sem alma 
Outono trilha de folhas caídas


             Poeta do Sertão
                 20-04-2016