domingo, 6 de dezembro de 2015

"QUISERA EU, TÃO BELO MOMENTO PROTAGONIZAR"

 



Quisera eu tão belo momento
Protagonizar em teus braços me encontrar
À noite a lua as estrelas no céu a brilhar
Nosso quarto a nos recepcionar

Abrigo do amor
Corpos suados a se encontrar
Ao seu ouvido a murmurar
Confissões de uma amor a nós à tocar

Embalar-te-ei neste noite
Pura em esplendor nossas mãos nossos lábios
Os delírios dos corpos a se encontrar
Eleva-me ao principio de um gozo a me banhar

Agarre-se a mim
Sinto você como a uma estrela a me invadir
Brilhe em minhas entranhas com seu lábios a me beijar
No ápice do prazer nossos corpos a levitar

Embala-me em ti
Esta nossa chama a nos incendiar
Enche-nos de luz e prazer por entre a pele a percorrer
Tão feliz junto a ti estou
Seria este sentimento ao que chamamos de AMOR

Quisera eu
À este amor protagonizar
Ser a ocupação dos seus pensamentos
Mesmo que fosse preciso por seu nome gritar...

Teus carinhos e teus beijos à me enlaçar
Nosso quarto como testemunha ocular
Deste amor que surge tão forte ante seu olhar
Quero estar em ti nosso amor aos teus ouvidos a sussurrar...


                            Poeta do Sertão
                                06-12-2015